01/02/2009

F.S.M FOLIA.


O Fórum Social Mundial acabou e eu não comprei meu abadá pra nenhum dia. O único evento musical interessante era boato. O Show do Teatro Mágico. Parabéns à organização que não fez questão nenhuma de desmentir a história se aproveitando do buzzmarketing para lotar o Pier.
Um espetáculo a parte foi ver a cidade com policiamento além da imaginação. Muito estranho. Parecia que a gente estava numa outra dimensão passeando pelas "ruas seguras da cidade das mangueiras da décima dimensão". Maquiagem? E haja as pessoas falarem que Belém não tem estrutura. Que o Hangar não tinha estrutura. Que os hotéis não tinham estrutura. E eu no meio disso tudo sem estrutura pra entender.
Das pessoas que vieram de fora só se falava uma coisa. Fedor. Como esses dias eu trabalhei muito, como sempre, e saí muito pouco no final de semana, não tive contato com nenhum desses convidados. Mas de longe eu sabia quem eram as pessoas que estavam na cidade para o evento. Bastava ver alguém com sacola de pano reciclado ou de mochila na Praça da República tomando cerveja em lata e jogando bagana de cigarro no gramado, ou então gente atravessando fora da faixa de pedestres. Era a credencial do Fórum. Mochila, bebida e pouco senso de direção.
Eu só acho uma pena já ter acabado o evento. Essa semana inteira eu consegui ir no canto de casa sem ver um assalto sequer. Um recorde. Já pensou uma semana inteira sem ouvir "Pega ladrão!"?

14 comentários:

disse...

Você lembra que no primeiro dia eu já tinha comentado sobre o assunto né?

Maquiagem digna do SPFW!! he he he

Me disseram que a Força Nacional vai ficar por 3 meses aqui? Acreditas nesse conto?

Beijos

marcela disse...

.

Toc, toc, toc ...
Dando sinal de vida :)

.

Jaque disse...

kkkk... falou e disse, concordo em gênero número e grau.
Até eu, que moro em Ananindeua, senti a diferença na circulação de pessoas e policiamento "mais pesado".
Claro... sem esquecer da "maquiagem". hehe...
Adorei teu posts, e assino em baixo...

>>>


JAQUE.

Dinho disse...

Nossa, tua cidade é tão segura - disse meu amigo de The(resina).

Bom, preferi evitar expor a realidade a ele...
enfim, eu só fui notar mesmo essa segurança toda quando tentava fazer alguma barberagem no transito e via guarda (até os da CTBel - PASMEM!) por todo lado.

Lorena disse...

no primeiro dia qndo tava akela passeata (q tinha mais gente q no cirio) tive q voltar pra casa da josé malcher com 14 até a cidade velha perto do mangal, a pé, pq eu nao conseguia onibus e nem taxi, e nao é pq passavam cheio, mas os vazios me negavam, eu axo q tava escrito ''paraense'' na minha testa só pode, pq os idiotas nao paravam pra mim, eu tinha dinheiro hehee sai do trampo 5:30 da tarde e cheguei umas 19:00 hs em casa!!!

Mas td bem taxi pros fedora tinha!!

Allê Nogueira disse...

Pois é... eu também fiquei frustrada, estava eperando anciosamente pelo Teatro Mágico, mas... fazer o que né... fomos tapiados!

max disse...

talvez se as pessoas tivessem o mínimo de consciência ou cabeça teriam visto com outros olhos o que tu vistes. mas... ninguém tem culpa das pessoas preferirem ficar em suas casas ou curtindo o que o mundo capitalista tem a oferecer ao invés de perceber que o mundo nao se resume a porta de suas casas, ao dizer que o FSM é apenas drogas e farras. isso a gente tem todo dia na nossa e em outras cidades e ninguem reclama.

quanto a questao da segurança nisso eu concordo com vc em genero numero e grau. vamos esperar pra ver ate qdo essa presepada fica.
abçs

João Paulo Guimarães disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
dani disse...

Fórum Social Mundial... pra mim foi que nem filho no primeiro dia de aula, voltando pra casa com um pote de maionese pintadinho e dentro dele um feijão plantado no algodao! Coisa de criança! mas enfim, foi bacana ver os comentarios na midia, pessoas chamando a Ufra de woodstock paraense, dizendo que iriam viver como janis joplin, loucos pra tomar o santo daime, sem nem saber o q significa isso! pessoas que estavam aqui sabe Deus pra q! Ainda bem q acabou! Bom pro turismo, bom pra tia q vende lanche na Ufra, bom pra mim q não vi assaltos na nossa rua, né mano?bom pra quem tava lá e nem sabia do q se tratava! Ainda me pergunto pq que a jolie nao veio!? Arrasada!

Joice Nunes disse...

queria ter ido conhecer tua terra, masu mas uma cirurgia me impediu.:/
mas ela está em meus planos para este ano. espera que já chego por aí.
gostei do teu blog. vou ficar te visitando.
um beijo!

Anônimo disse...

Pq é mt importante mesmo discutirmos a legalização da maconha com tanta gente passando fome, violência e desigualdade social, faça o favor ne...
depois nao tem farras e drogas!!!

Priscila Monique disse...

sabe quando você fala assim: peguei no verde, tirei tua sorte?
é justamente assim que me senti quando li teu post, os cometários aqui no blog fazem jus a frasezinha "clichê" de sempre.
Eu comprei meu abadá, andei com a bolsa reciclada, até comprei uma camisetaaa escrita "Açaí", mas não deu! nem meu melhelhor lado paraense conseguiiu esconder a vergonha que tive em falar a cada um que me perguntasse sobre a suposta tranquilidade da cidade, é infelizmente a nossa mal vestida Governadora do Estado não conseguiu superer nossas espectativas, alias nem quiz ter uma!
Ainda assim Amo Belém
Isso tudo aqui é divino!

Ivan Santos Jr disse...

concordo na questão da segurança quando falam que estava maquiada, pra mim tava mas maquiada que transformista de circo de quinta...
ééé mas já pararam pra pensar que um governo que tá apenas 2 anos não ia resolver e não vai resolver esse problema tão cedo? que essa insegurança e reflexo de governos passados? temos que olhar um pouco pra trás pra analisar...enfim enquanto ao fsm pra mim, pontos negativos e positivos, tanta coisa pra ser discutida... e a legalização da maconha chamou mas atenção do que outra coisa.... muita gente so passeando...
enfim... fsm acabou!!

Raphael Marques disse...

Cara... Esse tal de FSM deu o que falar mesmo heim... Quando tiver outro festival desses eu quero ser avisado... De repente assim eu consigo levar uns amigos pra conhecer a terrinha e cortar o medo desse povo que so sabe do Brasil por causa do Ronaldinho e do Carnaval... E sempre falam na violencia... hehe hehe hehe